sábado, 19 de abril de 2008

Isso NÃO é uma história de futebol

Diz meu pai que quando ele tinha por volta de 4 anos de idade, minha vó lhe deu uma camiseta do Atlético Mineiro. Como todo atleticano, ele vestiu a camisa na hora e não a tirou por dias! Não é igual a mim que (quase) sempre que vai sair veste o Manto Sagrado, ele literalmente não tirava a camisa.
Quando ia dormir, usava a alvi-negra, quando acordava, o uniforme do Galo era sua companhia. Almoçava, jantava, bricava, fazia de tudo com a camisa do Atlético. Só não me perguntem como, ou se, tomava banho. Mas por que ele não trocava de roupa? Amor à camisa? Fanatismo, desses que só os atleticanos têm? Uma aposta ou promessa?
Segundo meu pai, que hoje torce pelo time errado é cruzeirense, ele não tirava a camisa porque a gola era muito apertada e quando ele a vestiu, machucou as orelhas. Mas será que é isso mesmo? Afinal, as golas dos meus Mantos Sagrados não me machucam e também é um custo para eu tirá-las.

Acho que herdei mais do meu pai do que o gosto por Phil Collins e o jeito (quase sempre) sério.

Saudações Atleticanas e vamos pra cima do Tupi de Juiz de Fora hoje!!!
Rumo ao Bi do Campeonato Mineiro!!!

Lucas C. Silva

10 comentários:

bruno disse...

Torço pelo seu sucesso, amigo. Aliás, aproveito para informar-lhe que estamos lançando uma antologia entre vários escritores com contos e cr|ônicas. Se interessar, entre em contato.

E-mail: brunoteenager@gmail.com

Euzer Lopes disse...

É... pra você ver que nem sempre "paixões" fazem bem. Coitadas das orelhas do seu pai.
Mas a tecnologia pôde promover mudanças no layout do tal 'manto', para que novas gerações não machuquem orelhas por aí!
Um certo manto verde, por exemplo, é até "fashion" (verde-limão)

carla m. disse...

As razões da paixão são sempre desconhecidas ou incompreensíveis.

Eu por exemplo sou fanática por um time que tem uma camisa vermelha, e sinceramente essa é a única peça dessa cor no meu guarda roupa. Mas nada como o manto colorado (pra mim).

Fabio Bustamante disse...

campeonato paulista do interior, e uma disputa dos 4 melhores times(tirando os que estao no G4), menos o Santos!

MiMi disse...

Minha mãe é atleticana =P~
Só que ela usa de vez em qndo camisetas do atlético =]

Debora Ferreira disse...

GGAAALOOO
hsaohsohsoahsoihas
quando eu era mais nova, era assim tambéem... quero dizer, eu tirava a camisa pelo menos pra tomar banho, mas andaava com ela pra cima e pra baixo !
hasoshaoisahiosahoisasa
É NOIIISS

Conquistadores (Didixy) disse...

Muito bom.Depois dizem que a familia nao influencia ne.

rs

abs
_____________

"Walk Hard - A história de Dewey Cox".

www.conquistadoresdm.blogspot.com

Solitário disse...

Cara seu pai mudou de lado....
Que triste...
Mas com relação ao manto, com todos nós funciona assim...

Fabio Bustamante disse...

eu acho,que muitos começam a torcer por um time, por ter ganho uma camisa. ai eles usam, usam(o caso do seu pai)e ficam fanaticos e com paixao por um clube, mas de acordo com a vida, resolvem torcer para um time que amam por ter conquistado titulos, etc...

Fabio Bustamante disse...

valeu pela correçao! nao sei da onde tirei q foi 2 a 1 hehehe