terça-feira, 8 de abril de 2008

O mar de Minas são as montanhas e suas sereias são as mineiras


Já amei uma goiana. Já me apaixonei perdidamente por uma gaúcha. Uma brasiliense e uma paraense já me encantaram profundamente. Paulistas e cariocas, nossa, amei várias! É, mas não há no Brasil, ou melhor, no mundo, mulher igual à mulher mineira.
Quem já teve a sorte de ir pra Minas sabe, a mulher mineira tem algo que nenhuma outra tem. E se já tiveram o privilégio de conhecer aquela típica mineirinha do interiorzão mesmo, com a pele clarinha, os cabelos lisinhos e pretos, olhos escuros, uma fala doce e mansa e um jeitinho tímido, meigo e carinhoso aí vão saber mesmo do que eu estou falando.
Mas que magia é essa que as mineiras têm? O que as faz diferente das mulheres do resto do mundo?
Talvez seja um reflexo da beleza do lugar. Afinal, tudo é belo em Minas, até o horizonte é belo. Se as mineiras não fossem tão lindas quanto as paisagens, criaria um contraste tão forte, que quebraria a harmonia do lugar. Os biólogos costumam dizer que o ambiente não modifica o ser, então como eles explicam que as mulheres bonitas, se nascem em Minas, são ainda mais bonitas e as feias nascem menos feias quando são mineiras?
Bem, pode ser que a magia delas esteja no jeitinho doce e inocente mesmo. Porque não há criatura mais doce e meiga que uma mineirinha típica. Elas, no princípio podem parecer esnobes. Mas não é isso. É que, como todo bom mineiro, no princípio a menina fica calada, quieta, desconfiada, só observando. Mas logo isso passa. E aquela mineirinha calada, em pouco tempo, se torna uma pessoa muito receptiva e boa de conversa. Porque mineira que se preze, sempre tem boas histórias pra contar.
Talvez, a magia das mineiras esteja no sotaque. Porque, nossa, que sotaque o das mineiras! Dizem que o mar de Minas são as montanhas. Se isso é verdade, esse mar tem as mais encantadoras sereias do mundo. Mas, ao contrário das sereias das lendas, essas, ao invés do canto, têm uma fala que apaixona os homens que por ali passam. Lembra daquela mineirinha típica do interior que eu descrevi agorinha mesmo? Pois é, não há coisa mais apaixonante do que chegar na casa dela e ouvi-la dizer, com aquela vozinha meiga e doce "Ei, tudo jóia?" É tiro e queda, pode estar tudo ruim que, na hora que ela te fizer aquela pergunta, tudo vai ficar jóia. Aí conversa vai, conversa vem, o tempo vai passando e você vai se apaixonando... Ela, simpaticamente, te oferece um pão de queijo com café, um biscoitinho de polvilho, um bolo de fubá e quando você olha para o relógio já passou (e muito) da hora de ir embora. A mineirinha, triste, dirá "Depois cê volta mais..." Ai meu Deus, não sei você, mas nessa hora eu não resisto! Eu volto na casa dela, só pra ouvir mais um "Ei, tudo jóia?" e mais um "Depois cê volta mais."
Ai, não sei o que faz das mineirinhas tão especiais. Acho que é tudo isso e um pouquinho mais. Se você soubesse como é torturante falar da mulher mineira quando você está longe de Minas... Dá vontade de arrumar as malas e sair correndo pra lá... Agora, me dá licença que vou ali arrumar minhas malas pra pegar o primeiro ônibus pra Minas. Talvez eu descubra agora o que a mineira tem.

Lucas C. Silva

19 comentários:

Taynara disse...

Falando só do texto, é uma bonita homenagem às mulheres da sua terra.
Mas não dá para deixar de pensar que é uma visão meio bairrista, até porque a sua descrição de perfil dá aquela alfinetada logo no meu Rio de Janeiro... aí não pode!! hahahahahahaah
No mais, um ótimo blog! Mto bem escrito!

Bjs,

Fabio Bustamante disse...

texto bem mineiro o seu. gosto muito de ver alguem exaltando o querido estado de minas gerais...

O mar de Minas são as montanhas e suas sereias são as mineiras...frase criativa. o mar de montanhas mineiro e falado em todo o brasil, afinal, mg e o estado mais lindo do brasil, e as mineiras, as mais lindas!

www.futebolediscussoes.blogspot.com

Katarina disse...

Legal seu texto e blog. A atual miss brasil e quase miss universo era mineira, nao era?

KellyPottervicius disse...

Oie!!
Pooo lindo texto das meninas de Minas!
paarticularmente nun conheço nenhuma..as a invejo..não sei ser tão adoravel assim!!
a proposito sobre sua reposta...fiko feliz em sabe que exi8stão meninos como vc que preze essa inocencia!
^^
vlw!

Conquistadores (Didixy) disse...

Muito lindo mesmo e cada um fazendo homenagem a sua terra, é lógico. O Brasil é rico em cultura e em povos, sem dúvidas, não tem como dizer qual é o melhor, mais bonito e tal. Cada um tem sua especialidade.

Abs
________________________

www.conquistadoresdm.blogspot.com

adilson jorge disse...

Muito legal o texto. Parabéns!


Ah, as mulheres mineiras com aquele jeitinho .... me encantam! rs


Abraços,
www.blogonews.blogspot.com

Daniel Freitas disse...

MUITO BOM O EXTO,REALMENTE AS MINEIRAS SÃO SHOW DE BOLA, E O LAYOUT DO DO BLOG TA MUITO BOM...

LEIA TMBM:


Blog dos Pets – Criticas e humor ao seu dispor

SãoPauliNa-RP disse...

Ola tudo bem??

Blog muito lindo!!

Parabéns!

bjs

Danilo Moreira disse...

Apesar de ser de SP já conheci algumas mineiras, uma inclusive bem do interior.

Engraçado que bate com o que vc falou, elas tem mesmo aquele jeitinho quieto no começo, meio desconfiado e principalmente, aquela doçura...rsrsrs

Mas tira do sério pra ver... jesuis!!!!!!

Abçs!!!!!

DuDu Magalhães disse...

Minas é uma terra abençoada por Deus!

xD~~

http://www.visaocontraria.blogspot.com/

Dinamicas e Artigos disse...

Olha que bela reprcusao da beleza das mulheres mineiras, sou mulher e nao acho feio em dizer que concordo com voce (exceto em algumas partes tipo;"Ai meu Deus, não sei você, mas nessa hora eu não resisto! Eu volto na casa dela, só pra ouvir mais um "Ei, tudo jóia?" e mais um "Depois você volta mais." rsrsr
Muito bom seu texto!!

Passa la no meu blog

http://vivianesobral.zip.net

Debora Ferreira disse...

eeu soou mineiríssiima, apesar de criada em Brasília... maaas é assim meesmo, 'eei, tá booa ?!' e essas coisinhas de sotaque eu nunca peerdi ! e aproveitaando pra falar dos homens miineiros... eu jah gostei de brasilienses, cariocas, paulistas... mas a miinha grande paixão é um mineeirinho ! eheheheheh

Senhorita Altendorf disse...

Resposta:
Eh, imagino sim...
vc ker uma pessoa assim... eu kero uma de volta.
hehe...
eh a vida, cheia de surpresas.
obrigada por passar por aki!
me visite sempre ki kiser!

gerson sicca disse...

Lucas, estou fazendo uma campanha para uma causa justa. Preciso de votos para colocar um texto no livro do centenário do Inter. Quero fazer uma homenagem ao tio que me convenceu a ser colorado.
Por favor, dá uma olhada lá no blog. Se gostares e quiseres votar eu ficarei grato. E se quiseres indicar para os amigos ficarei mais grato ainda.
Desculpa passar correndo. Mas é q estou com problemas de saúde e não consigo ficar muito tempo no computador.
Grande abraço

MiMi disse...

Belissimo texto...
Eu sou supeita pra falar de MG ...amo muito mesmo!

gerson sicca disse...

Lucas, não achei o texto bairrista. É apenas uma bela forma de mostrar tua admiração pelas meninas da terra e, principalmente, pela cultura da tua terra natal. E isso sem qualquer arrogância. Na verdade, amas o jeito mineiro de ser e, é claro, enxergas isso melhor nas mulheres, por razões óbvias.
Fui apenas uma vez a Minas, mas conheço alguns mineiros. Sempre gostei muito do jeito do povo, da gentileza e do jeito inteligente e não grosseiro de manifestar o que pensa. Muito legal o texto.
Cara, obrigado pela avaliação positiva ao meu texto. Tua opinião é muito importante pra mim, pois gosto muito do que tu escreves, embora nem sempre coloque meus comentários. Se puderes indicar o texto para os teus amigos eu ficaria muito agradecido, pois precisarei de muitas avaliações positivas para conseguir colocar o texto no livro. E se a massa atleticana me der uma força acho que o lugar estará garantido.
Ah, e o sistema aceita um voto por dia de cada computador. Qdo quiseres passar lá de novo fique à vontade...hehehe
Grande abraço

Euzer Lopes disse...

Cara, depois desta, não me resta outra coisa: quero ter filhos café-com-leite - sim... Porque foi uma verdadeira "ode" às mulheres mineiras que me deixou fascinado.
Nunca conheci uma. Mas agora, depois deste seu relato, quero conhecê-las.
Apaixonei!

KellyPottervicius disse...

sobre mulher mineira...

eu li no orkut da namor deu amigomeu um texto bem da hora...achuq ue vc de ve até conhecer sobre mulhr mineira jah que vc tocouno qassunto...resolvi postar aki esse texto..:

- Mulher mineira, mulher brasileira.

O “caldinho” que envolve a mineira e dá a ela este jeitinho tão gostoso foi preparado em panela de ferro num fogão à lenha!
Mineira não mente, conta lorota.
Não paquera, espia.
Não fica bonita, já nasce formosa.
Mineira não usa perfume e cheira gostoso demais (sô).
Mineira não curte um som, ouve música.
Não fala, proseia.
Mineira não come estrogonofe, mas adora um picadinho.
Não faz crediário, compra fiado.
Não fica pelada, mostra as “vergonhas”.
Não erra, comete engano.
Não liga pra ninguém, mas telefona pra todo mundo.
Mineira ama diferente.
Flerta de longe, promete com o olhar e cumpre tudo o que nos fez sonhar.
Ela sabe que amor não é pra discursar, é pra fazer.
Ama com os olhos, com as mãos, com o sorriso, com os gestos.
Conheci muitos tipos de brasileiras.
Faceiras, trigueiras, formosas, poderosas, turbinadas, loiras, morenas, mulatas, bonitas, mas lhes falta essa brejeirice das mineiras, essa paciência de tecer sem pressa uma teia de aconchegos e mimos, de lembranças e sorrisos, que nós das gerais tanto apreciamos.
Existem coisas que já nascem com a mulher e muitas destas coisas estão diretamente ligadas ao lugar.
Mineira faz doce como ninguém neste país.
Quem já provou doce de cidra ou de leite feito por mineira, sabe o que é bom.
Goiabada e marmelada, então, nem se fala.
Mineira ensina mais porque, o que há de importante, ela já nasceu sabendo.
Mineiras se embelezam com bijuterias e ofuscam o brilho de jóias raras.
Vestem-se de chita e ficam bonitas, porque mineira não segue moda: faz moda.
Mineira não usa tênis, enfeita as alpercatas.
Mineira vai à igreja, assiste missa, comunga, mas por via das dúvidas toma um passe no centro espírita e joga rosas vermelhas pra Iemanjá no corgo de frente à horta.
Sabe que são misteriosos os caminhos que levam às graças de Deus.
Escondida por trás da simplicidade de toda mineira está uma guerreira.
Escondida atrás de toda simplicidade e graça está uma brasileira!

Domingos Leoni


legal neh?

bjus!

Camila disse...

talvez seja a pureza de falar delas ser tão apaixonantes, mulheres mulheres, mineiras a parte. É que aqui, todo mundo se conhece, e não desfaz de ninguém, aqui todos é "cumpadi", talvez esse encanto todo é passado de geração em geração...